Santa Missa com Adoração Eucarística | quinta-feira da 16ª semana do tempo comum.

1ª Leitura – Jr 2,1-3.7-8.12-13 Salmo – Sl 35,6-7ab. 8-9. 10-11 (R. 10a) Evangelho – Mt 13,10-17

Faça a sua contribuição

Clique no link abaixo e participe da manutenção dos nossos projetos pastorais: https://www.paroquiaespiritosanto.org.br/oferta/ Cada um dê como dispôs em seu coração, sem pena nem constrangimento, pois Deus ama a quem dá com alegria. (2 Cor 9, 7)

1ª Leitura – Jr 2,1-3.7-8.12-13

1A palavra do Senhor foi-me dirigida, dizendo: 2’Vai e grita aos ouvidos de Jerusalém. Isto diz o Senhor: Lembro-me de ti, da afeição da jovem, do amor da noiva, de quando me seguias no deserto, numa terra inculta. 3Israel, consagrado ao Senhor, era como as primícias de sua colheita; todos os que dele comiam, pecavam; males caíam sobre eles’, diz o Senhor. 7Eu vos introduzi numa terra de pomares, para que gozásseis de seus melhores produtos, mas, apenas chegados, contaminastes o país e tornastes abominável minha herança. 8Os sacerdotes nem perguntaram onde está o Senhor. Os versados na Lei não me reconheceram, e os chefes do povo voltaram-me as costas, os profetas profetizaram em nome de Baal e correram atrás de coisas que para nada servem. 12Ó céus, espantai-vos diante disso, enchei-vos de grande horror, diz o Senhor. 13Dois pecados cometeu meu povo: abandonou-me a mim, fonte de água viva, e preferiu cavar cisternas, cisternas defeituosas que não podem reter água. Palavra do Senhor.

Salmo – Jr 31, 10. 11-12ab. 13 (R. Cf. 10d)

R. O Senhor nos guardará qual pastor a seu rebanho.

10Ouvi, nações, a palavra do Senhor * e anunciai-a nas ilhas mais distantes: ‘Quem dispersou Israel, vai congregá-lo, * e o guardará qual pastor a seu rebanho!’R.

11Pois, na verdade, o Senhor remiu Jacó * e o libertou do poder do prepotente. 12aVoltarão para o monte de Sião, + entre brados e cantos de alegria * 12bafluirão para as bênçãos do Senhor:R.

13Então a virgem dançará alegremente, * também o jovem e o velho exultarão; mudarei em alegria o seu luto, * serei consolo e conforto após a guerra.R.

Evangelho – Mt 13,18-23

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 18Ouvi a parábola do semeador: 19Todo aquele que ouve a palavra do Reino e não a compreende, vem o Maligno e rouba o que foi semeado em seu coração. Este é o que foi semeado à beira do caminho. 20A semente que caiu em terreno pedregoso é aquele que ouve a palavra e logo a recebe com alegria; 21mas ele não tem raiz em si mesmo, é de momento: quando chega o sofrimento ou a perseguição, por causa da palavra, ele desiste logo. 22A semente que caiu no meio dos espinhos é aquele que ouve a palavra, mas as preocupações do mundo e a ilusão da riqueza sufocam a palavra, e ele não dá fruto. 23A semente que caiu em boa terra é aquele que ouve a palavra e a compreende. Esse produz fruto. Um dá cem, outro sessenta e outro trinta.’ Palavra da Salvação.

Categorias: LiturgiaVídeos

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *