A palavra ” liturgia” de acordo com o Catecismo da Igreja Católica, significa originalmente”obra pública”, “serviço da parte do povo e em favor do povo”. Na tradição cristã, ela quer expressar que o povo de Deus toma parte na obra de Deus.

A palavra “liturgia”é empregada, no Novo Testamento, para designar não somente a celebração do culto divino,mas também o anúncio do Evangelho e a efetiva caridade. Em todas essas situações , trata-se do serviço de Deus e dos homens.

A liturgia não esgota toda a ação da Igreja. Ela tem de ser precedida pela evangelização, pela fé e pela conversão,e assim poderá então produzir seus frutos na vida dos fiéis.(Fonte de Vida) É também participação na oração de Cristo,dirigida ao Pai e ao Espírito Santo. Nela, toda oração cristã encontra sua fonte e seu termo.É ainda lugar privilegiado da catequese do povo de Deus. A catequese está intrinsecamente ligada a toda ação litúrgica e sacramental, pois é nos sacramentos e sobretudo na Eucaristia ,que Cristo Jesus age em plenitude para a transformação dos homens. A liturgia é obra da Santíssima Trindade: O Pai, fonte e fim da liturgia; a presença de Cristo Glorificado; o Espírito Santo é o pedagogo da fé do povo de Deus, o artífice das “obras-primas”de Deus.

A liturgia é o ápice para o qual tende a ação da Igreja e, ao mesmo tempo é fonte de onde emana toda a sua força.

Fonte: Catecismo da Igreja Católica.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *