No domingo, dia 14 de abril, celebraremos a entrada messiânica de Jesus em Jerusalém, sendo aclamado pelo povo: “A numerosa multidão estendeu suas vestes pelo caminho, enquanto outros cortavam ramos das árvores e os espalhavam pelo caminho.” (Mt 21, 8). É costume levar para a celebração ramos de palmas e outras folhagens para lembrarmos desse momento que anuncia a Semana Santa que se inicia.

Como é costume preservar os ramos depois da celebração, como sinal da benção de Deus, alguns fins dignos são dados aos ramos bentos, como proteção contra o mal. Comumente se colocam os ramos sobre o altar pessoal, junto à imagens e até mesmo se queimam os ramos quando se necessita de proteção.

Uma outra forma de guardar os ramos é fazendo uma pequena cruz com ele, e carregando na bolsa, na carteira ou na mochila. No vídeo abaixo tem uma sugestão de como confeccionar a cruz de uma maneira simples para guardar os ramos bentos.

A celebração do Domingo de Ramos acontecerá na Paróquia do Divino Espírito Santo às 17h de sábado e às 8h, 10h30 e 19h no domingo. Venha participar e traga seus ramos.

Categorias: Liturgia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *